+

Folder
digital

Notícia

 

12/11/2019
Seis empresas disputam operar três áreas em caráter transitório no Porto de Santos

Seis empresas apresentaram propostas e estão aptas a participar da inédita concorrência de arrendamentos transitórios via seleção simplificada no Porto de Santos, no litoral paulista. A disputa acontece por três áreas na região do Saboó que estão desocupadas desde o término dos contratos com os antigos arrendatários (Terminal Marítimo do Valongo e Rodrimar), informa a Superintendência de Comunicação Corporativa do Porto. Brasil Terminal Portuário (BTP), Portonave, Reliance, Santos Brasil, Set Port e Termares participam da concorrência por ao menos um dos terrenos disponíveis.

Conforme o edital, as empresas poderão apresentar uma única oferta final na próxima quarta-feira, dia 13 de novembro, das 12 às 16 horas. A Santos Port Authority classificará os postulantes considerando os critérios de exequibilidade, aderência da estrutura financeira aos parâmetros de mercado para a carga a ser movimentada, valor ofertado (composto por arrendamento fixo e variável) e potencial de receitas tarifárias ao porto santista. A melhor classificada será, então, convocada a apresentar documentos para qualificação em cinco dias úteis.

As ofertas foram encaminhadas conforme o Edital de Processo Seletivo Simplificado para escolha de arrendatário para dar utilização às áreas desocupadas até que sejam ultimados os processos licitatórios ou por no máximo 180 dias – o que ocorrer primeiro. O objetivo é evitar, assim, potenciais prejuízos econômicos, financeiros e sociais em razão da descontinuidade da prestação dos serviços portuários.

Fonte: Portogente

voltar