+

Folder
digital

Notícia

 

18/12/2020
ZPE Ceará fecha novembro com alta de 8,9% na movimentação de cargas

Única zona de processamento de exportação em operação no território brasileiro, a ZPE Ceará – empresa subsidiária do Complexo do Pecém, fechou novembro com alta de 8,9% na sua movimentação de cargas, ante o mesmo período do ano passado. Ao longo do mês, 960.269 toneladas (t) passaram pelos gates da companhia, quase 80 mil toneladas a mais do que em novembro de 2019.

Entre as principais mercadorias que passaram pela ZPE Ceará em novembro, o maior fluxo foi oriundo do minério de ferro, com 321.903 toneladas movimentadas no período, seguido pelas placas de aço produzidas pela Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), que responderam por 200.217 toneladas. Ademais, um grande destaque foi o carvão mineral, que movimentou 196.993 toneladas ao longo do mês, registrando assim um crescimento de 92,5% ante o mesmo período de 2019.

“O que tivemos de diferencial neste mês foi o aumento da entrada de carvão para a siderúrgica (CSP). No entanto, vale destacar que essas movimentações são cíclicas e dependem da produção do produto final da empresa instalada. Para o fechamento de dezembro, esperamos um crescimento positivo em comparação ao mesmo mês de 2019 e, principalmente, comparando-se com novembro deste ano”, comenta a gerente de operações da ZPE Ceará, Karina Bzyl.

No acumulado de janeiro a novembro deste ano, a ZPE Ceará já movimentou 10,4 milhões de toneladas, com média mensal de 945.821 t. Neste período, mais de 3,8 milhões de toneladas de minério ferro passaram pelos gates da empresa.

Exportações e Importações

Entre os principais destinos das mercadorias produzidas pela ZPE Ceará, o grande destaque de novembro foram os Estados Unidos, que receberam 111.560 toneladas de itens processados na empresa, escoados via Porto do Pecém. No acumulado de 2020, a ZPE cearense já exportou 2,14 milhões de toneladas, tendo como principais destinos Estados Unidos (860.996 t), China (444.120 t), Canadá (208.442 t), Bélgica (168.505 t) e Coréia do Sul (140.427 t).

No que diz respeito às importações, os principais parceiros comerciais da ZPE Ceará, em novembro, foram Estados Unidos (145.027 t), Rússia (73.857 t) e Canadá (30.157 t), que ajudaram a empresa a receber um total de 251.321 toneladas ao longo do mês. De janeiro a novembro deste ano, 2,12 milhões de toneladas chegaram a ZPE oriundas de outros países, principalmente para servirem de insumos para a produção local de suas empresas instaladas.

Fonte: Governo Do Estado Do Ceará 

voltar